terça-feira, 7 de abril de 2015

Dar um tempo no namoro resolve alguma coisa?




Constantemente, em meio a muitas brigas e discussões, os casais optam por “dar um tempo” na relação, antes de decidir um término oficial ou não. A questão é: dar um tempo pode ser a solução para os problemas do relacionamento?
Existem situações em que esse espaço proporcionado por um “tempo” acalma os nervos das partes envolvidas, porque ocorre de estarem estressados por motivos externos e acabarem descontando um no outro. Um momento afastado permite que resolvam essas interferências externas e retornem mais pacientes.
Mas também ocorre de esse tempo proporcionar bem estar a ponto de ambos (ou um dos dois) perceber que não precisa daquele relacionamento tanto assim, daquelas brigas e discussões, daquela rotina chata e estressante a que muitos namoros acabam se submetendo. Nesse caso, os envolvidos preferem terminar de uma vez.
E esse tempo dura quanto? Isso já é uma variável que depende de cada pessoa. Um tempo pode durar uns dias, algumas semanas ou até mais de mês. Se acaba durando muito, já pode ser oficializado o término. Alguns também adotam esse tempo como uma relação aberta e chegam até a se envolver com outras pessoas.
O importante é dar um tempo sempre, sem ser um “tempo” oficial. Respeitar o espaço do parceiro, evitar sufocos e ter tempo para si. Dessa maneira as brigas diminuem e não há necessidade do afastamento do casal.

Você esta em um relacionamento sério e a pessoa te pede um tempo, o que você faz?